Sindicato protocola abaixo-assinado na Prefeitura e espera uma solução

Como prometido ao Servidor em assembleia, nosso Sindicato protocolou na Prefeitura, dia 16 de julho, o abaixo-assinado dos Servidores a respeito da gratificação do NU (Nível Universitário). O documento mostra a insatisfação dos Servidores e espera sensibilizar o Executivo para resolver essa questão que tem afligido centenas de trabalhadores contemplados hoje com a gratificação.

DIZERES DO ABAIXO-ASSINADO PELA GARANTIA DE DIREITOS

“Nós abaixo assinado, na qualidade de Servidores públicos municipais de Itaquaquecetuba, como forma de demonstrar a insatisfação frente aos desmandos do empregador público, exigimos respeito a garantia de dignidade no trato com os trabalhadores, os governantes estão de passagem e nós servidores permanecemos garantindo a continuidade do serviço público, devemos ser reconhecidos. Nossos direitos não podem ser afetados. Exigimos a concessão da data base vencida em fevereiro de 2020, assim como, a garantia de que o nível universitário seja incorporado ao salário base.

A Luta faz a Lei.”

PRESIDENTE CLÍCIA

“Vejo toda essa situação com preocupação e grande tristeza. Muitos Servidores estão apreensivos e isso poderia ter sido resolvido. Em outubro de 2019, avisamos a Prefeitura, fizemos reunião na Câmara, reafirmamos na Campanha Salarial deste ano a necessidade de elaborar um projeto de lei e não fomos ouvidos. Novamente parabenizo os Servidores que assinaram o abaixo-assinado e participaram da carreata. A luta continua”, afirma a presidente do Sinseri, Clícia Mara Silva Damaceno.

ADVOGADO DO SINSERI

Rafael Ceroni Succi completa: “O abaixo-assinado é uma forma de demonstrarmos nosso descontentamento à Prefeitura. E desprezando o abaixo-assinado o prefeito mostrará que rejeita o anseio de mais de mil Servidores”.

FIQUE LIGADO NO SINSERI!
PARTICIPE DAS AÇÕES DA ENTIDADE SINDICAL!

Publicado por Servidores de Itaquá em Quinta-feira, 16 de julho de 2020

LEIA TAMBÉM

Tire suas dúvidas sobre assédio moral. Confira perguntas e respostas elaboradas pelo Sinseri

Infelizmente, nos dias de hoje, em especial no serviço público, é necessário ainda falar de assédio moral. Muitas vezes, ele ocorre de forma camuflada e as vítimas ficam sem reações e, em alguns casos, não conseguem identificar a caracterização da prática. Em razão disso, nosso Sindicato elaborou perguntas e respostas a fim de esclarecer os trabalhadores. Além disso, nos colocamos à disposição para ajudar caso o Servidor seja alcançado por essa ação desumana… leia a matéria na íntegra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *