Sinseri solicita e Secretaria da Educação autoriza reposição referente à greve de junho

Há algum tempo, o Sinseri afirma estar negociando com a Secretaria Municipal de Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação a reposição do dia 14 de junho, quando ocorreu a greve geral, ato esse organizado por todas as Centrais Sindicais. Muitos profissionais da Educação participaram do movimento legítimo e até então teriam uma falta injustificada, algo que poderia trazer transtornos futuro para o coletivo.

DOCUMENTO DA PASTA

Contudo, dia 21 de novembro, o secretário da Pasta, Fabiano Oliveira Novais, encaminhou o comunicado nº 247/SEMECTI/2019 destinado a todas as diretoras das escolas municipais:

“O Secretário Municipal de Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação, considerando a necessidade de garantir o disposto na LDB Lei de Diretrizes e Bases da Educação nº 9394/96, que trata sobre a garantia de um mínimo de 200 (duzentos) dias letivos aos alunos da Educação infantil e Ensino Fundamental, autoriza os diretores de escola a organizar plano de reposição do dia 14/06/2019. O plano de reposição, após apreciação do Conselho de Escola, deverá ser encaminhado ao respectivo supervisor até 29/11/2019 para homologação e posterior cumprimento.”

PRESIDENTE CLÍCIA

“O Sindicato e os Professores estavam preocupados com este dia. Isso porque muitos participaram da greve legítima e poderiam ter uma falta justificada. Por várias vezes tratamos do assunto com o secretário Fabiano e ele nos prometia que isso seria resolvido e o dia realmente abonado. Ficamos felizes com o comunicado e garantimos a reposição por meio do diálogo. Demorou mais veio”, afirma a presidente do Sinseri Clícia Mara Silva Damaceno.

CONFIRA O COMUNICADO ENCAMINHA AOS DIRETORES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *