Solicitamos reunião com a secretária Ariana Julião Ramos para debater questões urgentes da Saúde

O Sinseri protocolou nesta segunda, dia 13 de junho, ofício na Secretaria de Saúde para tratar a respeito da mudança da empresa terceirizada responsável pelos serviços prestados nas unidades de Itaquaquecetuba. Solicitamos à secretária Ariana Julião Ramos reunião urgente entre Sindicato, Pasta e a contratada. Tal encontro se faz necessário pelo histórico de divergência no tratamento com os Servidores efetivos.

EXEMPLO

Durante a gestão da empresa Santa Casa de Misericórdia de Birigui alguns segmentos e cargos específicos tiveram problemas para atuar na função do concurso. Foram os casos dos:

👩‍⚕️ Técnicos de gesso;
👨‍⚕️ Técnicos de imobilização;

👩‍⚕️ Técnicos de raio-X.

Contudo, o contrato de terceirização existente entre a Prefeitura e a empresa foi finalizado por irregularidades. Em 6 de junho, foi firmado contrato com o Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde (INTS). Desde então, a organização passou a gerir as unidades de urgência e emergência da cidade. Entretanto, 320 pessoas foram contratadas para trabalharem através de OS (Ordem de Serviço). Se isso não for muito bem alinhado podemos ter novamente os mesmos problemas dos últimos meses.

PRESIDENTE CLÍCIA

O diálogo é o primeiro passo para o entendimento. Queremos conhecer a fundo as medidas tomadas tanto pela Secretaria quanto pela empresa terceirizada a fim de evitar prejuízos aos Servidores concursados. A dinâmica do trabalho deve ser justa a todas as partes. Aguardamos o encontro!”, afirma a presidente do Sinseri, Clícia Mara Silva Damaceno.

CLIQUE AQUI E LEIA NA ÍNTEGRA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.