Assembleia da categoria trata da retirada do NU e esclarece dúvidas neste difícil momento

O Sinseri realizou, dia 29 de abril, assembleia VIRTUAL com a categoria para debater e esclarecer dúvidas a respeito do Nível Universitário (NU). Com a divulgação pela Prefeitura da retirada do benefício já no pagamento do início de maio, nós devemos nos organizar e estar atentos aos desdobramentos. Por isso, nossa presidente Clícia Mara Silva Damasceno, o advogado Dr. Rafael Ceroni e o assessor Daniel Lucas Oliveira responderam questionamentos da categoria através de áudio e mensagens de texto enviadas durante toda a transmissão.

Registramos também a participação de mais membros da diretoria do Sindicato, como a nossa vice-presidente Rita de Cássia e a secretária-geral Valéria Tardiolli. O microfone foi aberto em diversas oportunidades para apresentação das dúvidas dos Servidores, além da exposição jurídica das ações já tomadas pelo Sindicato. O encontro terminou com a promessa da realização de uma nova assembleia na próxima semana, em plataforma com espaço para mais pessoas participarem e maior segurança das informações.

Nossa presidente Clícia Mara Silva Damasceno comenta:

Agradeço a todos pela participação. Infelizmente, neste primeiro encontro não conseguimos aceitar mais do que 100 participantes. Tomaremos as medidas necessárias para em nossa próxima reunião mais pessoas possam estar presentes, apresentar suas perguntas e consigamos fazer, inclusive, uma reunião virtual com toda segurança e mais interação da categoria”.

CLIQUE E ACESSE A ASSEMBLEIA NA ÍNTEGRA

LEIA TAMBÉM

Imprensa repercute luta do Sinseri pela reposição salarial e manutenção do NU

A solicitação de reanálise do pedido da data-base do Servidor para a Prefeitura foi destaque do caderno Cidades do Jornal “Gazeta Regional”. A edição 374 abre espaço para falar da luta do Sindicato em assegurar direitos fundamentais do funcionalismo de Itaquá, como a reposição salarial e a manutenção do pagamento de gratificações já conquistadas. No entendimento jurídico do Sinseri, a Lei 173/2020 (congelamento dos salários) proíbe o aumento salarial, mas não a reposição inflacionária… confira na íntegra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *